Acessórios

Película líquida para celular é boa?

Película líquida para celular é boa?

O mercado de películas para celular trouxe a película líquida. E para saber se a película líquida para celular é boa, é preciso levar em consideração algumas características e observar testes realizados por especialistas no assunto.

Dessa forma, se você está querendo saber se película líquida para celular é boa, veja as considerações feitas neste artigo e descubra de forma embasada e cuidadosa!

Como é a película líquida?

Antes de mais nada, como o próprio nome já revela, essa película não é daquelas que todos estão acostumados a ter em seus celulares e tablets. Ela é líquida, e não uma camada de vidro ou outro produto sólido e rígido que você agrega à tela do celular.

Essa película foi desenvolvida à base d’água, contendo dióxido de silício e partículas de titânio de alto grau de dureza.

A proposta dessa película é que, quanto aplicada na tela do celular, transforme o material em um material com máxima durabilidade, ficando só abaixo do diamante.

Além disso, partindo do princípio que o produto é líquido, a aplicação também é diferenciada.

Outrossim, existem marcas diferentes dessa película e a que vai ser levada em consideração nesse artigo é a da marca Nanofixit, que é a pioneira e a marca que trouxe essa película ao mercado.

Além disso, o produto vem em embalagens de diferentes quantidades, podendo ser encontrado em embalagem para aplicação individual.

Ademais, quando você compra a película, vem 3 pacotes pequenos. Um com um tecido embebido em álcool para limpeza da tela, outro tecido seco para terminar de limpar e uma terceira embalagem com um tecido embebido na substância que é propriamente a película líquida.

A forma de aplicação, após a limpeza da tela com o paninho de álcool e o seco, é passar o paninho embebido no líquido da película, durante 30 segundos, na tela do celular.

Depois disso, precisa deixar secar por 1 minuto e pronto, a película líquida está aplicada.

Película líquida para celular é boa?

Essa é uma dúvida que muitos usuários de películas convencionais possuem. E a resposta depende de vários fatores.

Primeiramente, de acordo com testes feitos no site TecMundo, que é um site que testa todas as novidades tecnológicas, a película líquida teve bons e maus resultados.

Dessa forma, é preciso analisar o resultado de acordo com o tipo de uso.

Além disso, o site fez testes variados com um celular onde foi aplicada a película líquida e outro celular que estava sem nenhum tipo de película.

Dentre os testes estão testes de:

  • Uso diário comum;
  • De queda;
  • Teste do aparelho dentro de uma bolsa com vários objetos que podem causar arranhões;
  • Resistência contra arranhões feitos com uma chave diretamente passada na tela.

Película líquida para celular é boa?

1. Resultado do teste de uso diário

Nesse teste, os celulares foram utilizados por alguns dias e de forma normal. Ou seja, os celulares tiveram contato com superfícies, foram manuseados por várias vezes e em várias ocasiões.

Além disso, foram colocados no bolso de calças junto com chaves e outros pertences.

E os resultados nesse teste foram os seguintes. Tanto o celular com a película líquida, quanto o sem película, não tiveram arranhões, nem qualquer tipo de dano à tela.

Ou seja, para uso diário cuidadoso, sem quedas e maiores atritos, a película líquida se saiu bem, mas não diferente de um celular sem película.

2. Resultado do teste da bolsa

No teste da bolsa, feito separadamente em cada celular, os objetos que estavam dentro do bolso eram chaves, lixa de unha, batom e outros pertences que geralmente estão dentro de uma bolsa.

No entanto, o celular sem película teve vários arranhões depois de ficar dentro da bolsa.  O teste foi feito por 2 minutos com movimentos que simulavam o andar de uma pessoa com a bolsa no ombro.

Ademais, o celular com a película líquida também teve danos muito parecidos ou até maiores. Ou seja, nesse tipo de contato com objetos soltos na bolsa, a película líquida não teve bons resultados,

3. Resultados do teste de queda

No teste de queda, ambos os celulares foram testados em uma distância aproximada de 1 metro.

Assim, a queda foi simulada e os dois aparelhos tiveram danos como arranhões. E, após cair algumas vezes, o celular com a película líquida teve a tela trincada.

Nesse caso, a película também não foi suficiente para a proteção da tela do celular.

4. Resultado do teste da chave

Mesmo já tendo os resultados anteriores, o site fez o teste realizando atrito direto e proposital entre uma chave e a tela dos celulares.

Além disso, é importante mencionar, nesse caso, que o fabricante da película não promete proteção contra esse tipo de arranhão causado dessa forma.

E, de fato, a película líquida não conseguiu proteger a tela e ficou tão danificada quanto o celular que estava sem nenhuma película.

Considerações finais

Diante de todos os testes que foram citados acima, você pode tirar suas conclusões acerca da qualidade e eficiência da película líquida.

Respondendo à dúvida se a película líquida para celular é boa, a resposta pode ter dois lados.

Em situações mais seguras de uso, onde a tela do celular com a película líquida não foi exposta a situações de atrito mais intenso, o comportamento foi bom. Porém, foi o mesmo do celular sem película.

Com isso, o que pode ser concluído é que, nessa primeira situação, a película não precisou ter esforço de proteção.

Além disso, nos casos dos demais testes, a resposta da pergunta feita no início do artigo é negativa, pois a película líquida não protegeu o celular conforme o fabricante informa.

Dessa forma, se você for utilizar a película líquida o ideal é ter mais cuidado com o aparelho para que atritos mais fortes sejam evitados, como os testes mencionados acima demonstraram. Caso ocorram quedas e atritos mais intensos, o resultado pode ser negativo.

Com isso, não restam mais dúvidas se a película líquida para celular é boa ou não, o que facilita a escolha no momento da compra de uma película. Ademais, pode fazer com que você opte pelo tipo de película que mais atende as necessidades do seu celular.

Deixe seu Comentário